Equipe MAN Latin America aposta na confiabilidade para se sagrar campeã em Brasília

MAN Latin America em Brasília 2012

Tendo um dos caminhões mais resistentes da Fórmula Truck, a equipe da MAN Latin America aposta na confiabilidade técnica de seus caminhões Volkswagen Constellation para vencer o sétimo título de marcas em sete anos.

“Nosso grande trunfo para essa etapa é, com certeza, a confiabilidade de nossos caminhões Volkswagen, que ele já nos deu inúmeras amostras em outras ocasiões que é um dos mais confiáveis da temporada”, disse o chefe de equipe e piloto da MAN Latin America Renato Martins.

Nas cinco últimas provas em Brasília, etapa deste fim de semana, o time foi ao pódio com, no mínimo, dois pilotos, inclusive vencendo a etapa de 2011 com Felipe Giaffone.

E foi justamente contando com a durabilidade dos Constellation que Felipe, tricampeão brasileiro e campeão sul-americano da Fórmula Truck, venceu a prova no “oval” Autódromo Nelson Piquet em 2011.

“Ano passado nós não tínhamos o caminhão mais rápido no geral, mas tínhamos a confiança de nosso motor. E isso será crucial na disputa do campeonato de marcas, que iremos buscar durante a corrida, principalmente nas últimas voltas da prova”, falou o vice-campeão brasileiro de 2012 Felipe Giaffone, referindo-se ao campeonato de pilotos, onde a MAN Latin America está com um déficit de 25 pontos do líder do campeonato, sendo que ainda estão disponíveis 62 pontos em jogo.

Débora Rodrigues também exprime a mesma ideia: “A palavra para a corrida de Brasília, se pensarmos no título de construtores é economizar. Se tiver essa “lua” que está hoje, é perigoso para todos os caminhões, no geral, enfrentarem problemas como perda de freios e quebras. E neste quesito de durabilidade, somos os melhores”, disse Débora, que em certo momento do segundo treino mediu a temperatura da pista, que bateu em 60ºC.

“Nosso caminhão tem a superioridade em confiabilidade, enquanto os caminhões de tiragem maior tem melhor desempenho nas retas, mas confio que em um conjunto final teremos vantagem”, explicou André Marques.

Felipe Giaffone terminou em quarto e quinto nos treinos livres desta sexta-feira em Brasília. André Marques terminou as sessões em 12º e 17º, Adalberto Jardim em 16º e 19º, Renato Martins em 21º e 13º e Débora Rodrigues em 20º e 21º.

Os treinos livres para a décima e última etapa da Fórmula Truck continuam neste sábado às 8h30 e às 10h30. O classificatório que definirá o grid de largada da etapa começa às 13h30; a corrida será transmitida ao vivo pela TV Band às 13h deste domingo.

Resultado do primeiro treino livre de Brasília:
1º) 83 – Regis Boessio (M, SP), 1:11.536, média de 146,89 Km/h
2º) 6 – Wellington Cirino (M, PR), a .034
3º) 88 – Beto Monteiro (I, PE), a .083
4º) 4 – Felipe Giaffone (W, SP), a .129
5º) 73 – Leandro Totti (M, PR), a .540
6º) 15 – Roberval Andrade (S, SP), a .576
7º) 2 – Valmir Benavides (I, SP), a .645
8º) 55 – Paulo Salustiano (V, SP), a .704
9º) 3 – Geraldo Piquet (M, DF), a .851
10º) 14 – João Maistro (V, PR), a .872
11º) 99 – Luiz Lopes (M, SP), a 1.003
12º) 77 – André Marques (W, SP), a 1.068
13º) 32 – Luiz Pucci (V, RA), a 1.466
14º) 18 – João Ometto (I, SP), a 1.621
15º) 70 – Danilo Dirani (F, SP), a 1.942
16º) 8 – Adalberto Jardim (W, SP), a 2.044
17º) 20 – Pedro Muffato (S, PR), a 2.059
18º) 10 – Alberto Catucci (S, SP), a 2.217
19º) 12 – Zé Maria Reis (S, GO), a 2.262
20º) 7 – Debora Rodrigues (W, SP), a 3.686
21º) 9 – Renato Martins (W, SP), a 8.000
22º) 51 – Leandro Reis (S, GO), a 13.248
23º) 43 – Pedro Gomes (F, SP), a 34.018

Resultado do segundo treino livre de Brasília:
1º) 83 – Regis Boessio (M, SP), 1:11.159, média de 147,67 Km/h
2º) 15 – Roberval Andrade (S, SP), a .242
3º) 88 – Beto Monteiro (I, PE), a .364
4º) 99 – Luiz Lopes (M, SP), a .488
5º) 4 – Felipe Giaffone (W, SP), a .696
6º) 6 – Wellington Cirino (M, PR), a .709
7º) 3 – Geraldo Piquet (M, DF), a .868
8º) 73 – Leandro Totti (M, PR), a .929
9º) 2 – Valmir Benavides (I, SP), a 1.034
10º) 14 – João Maistro (V, PR), a 1.156
11º) 55 – Paulo Salustiano (V, SP), a 1.227
12º) 51 – Leandro Reis (S, GO), a 1.367
13º) 9 – Renato Martins (W, SP), a 1.544
14º) 70 – Danilo Dirani (F, SP), a 1.746
15º) 20 – Pedro Muffato (S, PR), a 1.781
16º) 18 – João Ometto (I, SP), a 1.877
17º) 77 – André Marques (W, SP), a 1.951
18º) 43 – Pedro Gomes (F, SP), a 2.153
19º) 8 – Adalberto Jardim (W, SP), a 2.359
20º) 32 – Luiz Pucci (V, RA), a 2.696
21º) 7 – Debora Rodrigues (W, SP), a 2.777
22º) 12 – Zé Maria Reis (S, GO), a 2.958
23º) 10 – Alberto Catucci (S, SP), a 3.227

Classificação do Brasileiro de Marcas:
1º) Mercedes-Benz, 340 pontos;
2º) Man Latin America, 315;
3º) Iveco, 183;
4º) Volvo, 157;
5º) Scania, 141;
6º) Ford, 18.

Títulos de marcas da MAN Latin America com o caminhão Volkswagen Constellation:
Campeão Brasileiro de 2007;
Campeão Brasileiro de 2009;
Campeão Brasileiro de 2010;
Campeão Brasileiro de 2011;
Campeão Sul-Americano de 2011;
Campeão Sul-Americano de 2012.

Títulos de pilotos da MAN Latin America com o caminhão Volkswagen Constellation:
Campeão Brasileiro de 2006, Renato Martins;
Campeão Brasileiro de 2007, Felipe Giaffone;
Campeão Brasileiro de 2009, Felipe Giaffone;
Campeão Brasileiro de 2011, Felipe Giaffone;
Campeão Sul-Americano de 2011, Felipe Giaffone.

Retrospecto da MAN Latin America em Brasília nos últimos cinco anos:
2007, pódio com três pilotos: 2º com Valmir Benavides, 3º com Renato Martins e 4º com Felipe Giaffone;
2008, pódio com dois pilotos: 2º com Valmir Benavides e 3º com Renato Martins;
2009, pódio com dois pilotos: 4º com Felipe Giaffone e 5º com Renato Martins;
2010, pódio com dois pilotos: 4º com Felipe Giaffone e 5º com Valmir Benavides;
2011, pódio com dois pilotos: 1º com Felipe Giaffone e 4º com Valmir Benavides.

———————————————————
Texto: Rodrigo França – RF1 Jornalismo
Imagens: Orlei Silva

MAN Latin America em busca de seu 7º título de marcas com o caminhão Volkswagen Constellation

Renato Martins

Desde que estreou na Fórmula Truck em 2006, o caminhão Volkswagen Constellation, conduzido pelos pilotos da equipe oficial da MAN Latin America, acumula a conquista de seis títulos de marcas em seis anos, tanto em âmbito nacional quanto sul-americano. Se incluídos os títulos de pilotos, são 11 ao todo. Na prova final de 2012, que será disputada neste domingo, em Brasília, a sétima conquista entre marcas pode vir caso a MAN Latin America termine em primeiro na classificação de marcas do Brasileiro de Fórmula Truck.

MAN Latin America luta pelo seu sétimo título de Marcas em Brasília

Marques e Giaffone

A décima e última etapa da Fórmula Truck, prova que será disputada no próximo dia 9 no anel externo de Brasília, definirá o campeão brasileiro de marcas da Fórmula Truck. A equipe oficial da MAN Latin America, que já conquistou seis vezes este título, é uma das duas marcas que pode sair da Capital Federal como campeã de 2012.

A 25 pontos da primeira colocada e restando ainda 62 em jogo, os cinco pilotos que correm com caminhões Volkswagen Constellation vão encarar a corrida de Brasília como uma “verdadeira final”, como diz Felipe Giaffone. Neste ano, a MAN Latin America já conquistou um título: o Sul-Americano de marcas, vencido com 163 pontos, conquistados por Giaffone, Renato Martins, André Marques, Débora Rodrigues e Adalberto Jardim.

“Não será uma tarefa fácil, mas vamos entrar na pista como se fosse uma grande decisão para cada um dos cinco pilotos da MAN Latin America, porque sabemos da importância de ganhar o título brasileiro, assim como fizemos no Sul-Americano deste ano”, disse Giaffone, tricampeão da Fórmula Truck e vencedor da etapa de Brasília no ano passado.

Para Renato Martins, piloto e chefe da equipe MAN Latin America, a estratégia para a luta do título de marcas é apostar no ponto forte do caminhão Volkswagen Constellation: seu forte rendimento aliado à alta confiabilidade.

“Ganhamos o sul-americano deste ano mesmo não vencendo o campeonato de pilotos, o que mostra o quão eficiente é o nosso time como um conjunto, sempre pontuando bem, boa parte em virtude da velocidade e confiabilidade de nossos caminhões, sem depender da boa performance apenas de um dos pilotos”, completou Martins.

Na Fórmula Truck, os pontos para o campeonato de marcas são feitos somando os pontos dos três mais bem colocados de cada marca, excluindo-se pontos referentes à bandeira amarela programada, pole e melhor volta.

A décima e decisiva etapa da Fórmula Truck será disputada nos dias 7, 8 e 9 de dezembro no anel externo do Autódromo Nelson Piquet, em Brasília, Distrito Federal.

Classificação do Brasileiro de Marcas:
1º) Mercedes-Benz, 340 pontos;
2º) Man Latin America, 315;
3º) Iveco, 183;
4º) Volvo, 157;
5º) Scania, 141;
6º) Ford, 18.

Títulos de marcas da MAN Latin America/Volkswagen:
Campeão Brasileiro de 2007;
Campeão Brasileiro de 2009;
Campeão Brasileiro de 2010;
Campeão Brasileiro de 2011;
Campeão Sul-Americano de 2011;
Campeão Sul-Americano de 2012.