A etapa caruaruense costuma ser uma das mais movimentadas da F-Truck

Felipe Giaffone

Passaram-se 15 anos desde que a Fórmula Truck teve suas primeiras disputas no Autódromo Internacional Ayrton Senna, na cidade pernambucana de Caruaru. Desde as corridas de 1997, quando as etapas ainda aconteciam no sistema de rodadas duplas, foram 14 edições da prova. E, dos 24 pilotos que vão disputar a corrida do próximo dia 6 de maio, sete já comemoraram ao menos uma vitória no traçado nordestino.

Com público aproximado de 40 mil pessoas, as 14 edições já realizadas desafiaram pilotos e equipes tanto pelas características do circuito de 3.180 metros quanto pela alta temperatura característica da região, que provocam um desgaste acentuado do equipamento e submete os pilotos a doses exageradas de esforço físico durante os 60 minutos da corrida.

Piloto e chefe da RM Motors, Renato Martins venceu duas vezes no circuito pernambucano nos anos 90, quando pilotava caminhões Scania – compete desde 2001 com modelos da Volkswagen. Os pilotos de sua equipe venceram seis das últimas sete edições da prova. A série teve início com Beto Napolitano em 2005 e foi mantida por Felipe Giaffone, em 2007, 2008, 2009 e 2011, além de Valmir Benavides, que ganhou em 2010.

“Os caminhões Constellation da Volkswagen têm sido vencedores nas corridas em Caruaru, nosso histórico lá é ótimo, mas desta vez as coisas para nós vão estar bem mais complicadas”, antevê Martins, campeão da Truck em 1996 e 2006. “Há outras marcas muito fortes neste ano, com as mudanças que o regulamento trouxe, e estamos trabalhando duro para retomar o mesmo nível de competitividade que tínhamos no ano passado”, explana.

Giaffone tem aproveitamento de quase 100% em Caruaru. Ele obteve, em cinco participações, quatro vitórias e um segundo lugar – esse em 2010, quando o vencedor foi Benavides, à época também piloto da Volkswagen. A marca teve três pilotos no pódio da corrida de dois anos atrás, com Martins em quinto. Giaffone chega a Pernambuco empatado na vice-liderança do Brasileiro com seu companheiro de equipe André Marques.

Tricampeão brasileiro e dono de um título sul-americano, Giaffone teve a sorte como aliada em Caruaru. “Das quatro vitórias, uma foi minha, mesmo, ‘ganhei ganhado’. Nas outras tive sorte, estava em segundo e o líder quebrou, ou outro piloto rodou e saiu da pista”, admite. Ele vê os caminhões Mercedes-Benz como mais rápidos do momento. “Acho que teremos um bom caminhão para a corrida, mas não para o treino classificatório”, arrisca.

OS VENCEDORES DO GP DE CARUARU
1997 – Osvaldo Drugovich Júnior (PR/Scania)
1997 – Renato Martins (SP/Scania)
1998 – Djalma Fogaça (SP/Volvo)
1998 – Osvaldo Drugovich Júnior (PR/Scania)
1999 – Renato Martins (SP/Scania)
2000 – Fred Marinelli (SP/Scania)
2000 – Jorge Fleck (RS/Volvo)
2001 – Roberval Andrade (SP/Scania)
2002 – Roberval Andrade (SP/Scania)
2004 – Beto Monteiro (PE/Ford)
2005 – Beto Napolitano (SP/Volkswagen)
2006 – Leandro Totti (PR/Ford)
2007 – Felipe Giaffone (SP/Volkswagen)
2008 – Felipe Giaffone (SP/Volkswagen)
2009 – Felipe Giaffone (SP/Volkswagen)
2010 – Valmir Benavides (SP/Volkswagen)
2011 – Felipe Giaffone (SP/Volkswagen)

———————————————————————–
Texto: Grelak Comunicação
Imagem: Fernanda Freixosa/Vicar

Equipe oficial da MAN Latin America manteve a liderança no campeonato de marcas da Fórmula Truck

Martins e Marques no pódio

Pilotando caminhões Volkswagen Constellation, quatro pilotos do time estiveram no top-10, sendo dois no pódio: André Marques foi o terceiro, com Renato Martins em quarto. Felipe Giaffone foi o sétimo colocado e Débora Rodrigues, a única mulher a competir na Truck, na nona posição.

Com o bom rendimento de quatro caminhões, a MAN Latin America agora tem 90 pontos no campeonato de marcas, 27 à frente da segunda colocada. “Manter esta liderança era nosso principal objetivo, ainda mais diante deste público maravilhoso no Rio, em especial com a torcida da fábrica da MAN Latin America”, diz Renato, piloto e chefe de equipe, que está na sétima colocação do campeonato, com 16 pontos.

Entre os pilotos, a vice-liderança é dividida por Giaffone e Marques, ambos com 34 pontos.

“Duas corridas no pódio em terceiro e o segundo lugar no campeonato é um início de temporada que parece um sonho. Tenho muito que agradecer o trabalho todo da RM Competicões e da engenharia da MAN Latin America que me deram um equipamento em condições de conseguir resultados tão bons logo no começo de minha história na equipe”, diz Marques.

Giaffone esteve perto também de conseguir mais um pódio nesta temporada, ao brigar pela segunda colocação quando faltavam menos de duas voltas para o final.

“O Roberval (Andrade) estava com problemas de freio e vi que teria condições de alcançar a segunda colocação. Estamos lutando pelo campeonato de marcas e de pilotos, então estes pontos são importantíssimos. Infelizmente, na manobra de ultrapassagem, não foi possível fazer a freada como sempre e escapei da pista. De qualquer maneira, consegui voltar ao traçado e minimizar o prejuízo com pontos suficientes para manter a vice-liderança”, diz Giaffone, tricampeão brasileiro de Truck (2007-2009-20011) e também sul-americano (2011).

Completando o quarteto da MAN Latin America no top-10, Débora Rodrigues fez sua melhor apresentação em Jacapareguá. Mesmo largando em último lugar, após não registrar tempo na classificação no treino de ontem, a única mulher da categoria fez uma corrida ousada, com muitas ultrapassagens para chegar na nona colocação.

“Foi uma corrida muito movimentada e mais uma vez consegui contar com a eficiência de nosso caminhão Volkswagen Constellation em ritmo de corrida para passar diversos pilotos e conquistar importantes pontos”, diz Débora.

Depois de 34 voltas, o resultado do GP Bridgestone-Bandag, no Rio de Janeiro, foi o seguinte:

1º) Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco, 1h01min02s614
2º) Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport, a 8s804
3º) André Marques (SP/MAN-Volkswagen), RM Motors, a 10s648
4º) Renato Martins (SP/MAN-Volkswagen), RM Motors, a 10s964
5º) Leandro Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, a 12s107
6º) Paulo Salustiano (SP/Volvo), ABF/Volvo, a 13s895
7º) Felipe Giaffone (SP/MAN-Volkswagen), RM Motors, a 14s113
8º) João Marcos Maistro (PR/Volvo), Clay Truck Racing, a 40s878
9º) Débora Rodrigues (SP/MAN-Volkswagen), RM Motors, a 53s136
10º) Valmir Benavides (SP/Iveco), Scuderia Iveco, a 1min12s160
11º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, a 1min12s657
12º) Luiz Lopes (SP/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 1min19s104

NÃO COMPLETARAM
Luiz Pucci (ARG/Volvo), ABF/Volvo, a 10 voltas
Adalberto Jardim (SP/MAN-Volkswagen), AJ5 Motorsport, a 11 voltas
Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, a 11 voltas
José Maria Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, a 12 voltas
Regis Boessio (RS/Mercedes-Benz), ABF Desenvolvimento Team, a 15 voltas
Pedro Gomes (SP/Ford), Ford Racing Trucks, a 18 voltas
Christian Fittipaldi (SP/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, a 21 voltas
Danilo Dirani (SP/Ford), Ford Racing Trucks/DF Motorsport, a 24 voltas
Diumar Bueno (PR/Volvo), DB Motorsport, a 26 voltas
Fred Marinelli (SP/Iveco), Marinelli Competições, a a 26 voltas
Leandro Totti (PR/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 28 voltas
Melhor volta: Giaffone, na 3ª, 1min33s981, média de 117,483 km/h

CLASSIFICAÇÃO
Depois de duas etapas, a classificação do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck é a seguinte: 1º) Monteiro, 60 pontos; 2º) Giaffone e Marques, 34; 4º) Andrade, 24; 5º) Salustiano, 22; 6º) L. Reis, 18; 7º) Martins, 16; 8º) Jardim, 14; 9º) Bueno, 10; 10º) Marinelli, 8; 11º) Fittipaldi, Pucci, Cirino e Maistro, 7; 15º) Totti e Rodrigues, 6; 17º) Benavides, 5; 18º) Gomes, Muffato e Lopes, 4; 21º) Boessio, 2.

A classificação da competição de Marcas no Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck mantém a MAN-Volkswagen na liderança, com 90 pontos. A vice-líder Iveco soma 63. Na sequência vêm Volvo, com 46, Scania, com 41, Mercedes-Benz, com 14, e Ford, com quatro. A temporada terá sequência no dia 6 de maio, no circuito pernambucano de Caruaru. Será a terceira etapa do Brasileiro e segunda do Sul-Americano da Truck.

————————————————-
Apoio nas informações: Rodrigo França e Grelak Comunicação
Imagem: Orlei Silva

Imagens RM Motors na Etapa Rio da F-Truck

125035

Confira as imagens da equipe RM Motors nestes dois dias de treinos livres e classificação para o grid de largada da segunda etapa da temporada 2012 da Fórmula Truck. Créditos: Orlei Silva.

Com caminhão Volkswagen Constellation, Felipe Giaffone larga na segunda fila da Truck no Rio

Piloto Felipe Giaffone

O atual campeão brasileiro e sul-americano da Fórmula Truck, Felipe Giaffone, vai alinhar seu caminhão Volkswagen Constellation na segunda fila do grid de largada da segunda etapa da categoria, que será disputada amanhã, no circuito de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro.